Últimos dias para inscrição dos Casais Fandangueiros que irão participar de evento no Parcão.

 
 
 
 
 
Restam poucos dias para finalizar o período de inscrições para o concurso que indicará os Casais Fandangueiros de São Borja, em 2019. A próxima quinta-feira, 18 de julho, é a data limite para que as entidades tradicionalistas façam as suas inscrições, na Secretaria Municipal de Cultura, Turismo Esporte e Lazer. A definição dos Casais Fandangueiros será um dos destaques da programação no 3º Dia de Campo na Capital Gaúcha do Fandango, dias 3 e 4 de agosto no Parque Esportivo General Vargas.
Neste ano os Casais Fandangueiros serão eleitos  em cinco categorias. São elas: Pré-Mirim, Mirim, Juvenil, Adulta e Xirua. Os casais vencedores receberão faixas e brasões e ficarão responsáveis por representar São Borja como Capital do Fandango em todos os eventos oficiais.
Enquanto aguarda as inscrições, a Secretaria Municipal de Cultura, coordenadora geral do Dia de Campo, acelera preparativos do evento. Além do apoio de outros setores da Prefeitura, para garantir a infraestrutura necessária, também ocorre troca permanente de informações com as entidades tradicionalistas parceiras – CTG Tropilha Crioula, Centro Nativista Boitatá, CFTG Farroupilha e PTG João Manoel.
As entidades montarão seus 'bolichos' no Parque General Vargas. Além de comercializarem iguarias campeiras e bebidas, as entidades também farão demonstrações práticas sobre os costume do gaúcho.
É mantida a previsão de que  que pelo menos 8 mil pessoas, a cada dia, marque presença no Dia de Campo. O ato oficial de abertura está definido para as 14 horas do dia (03/08). Já no domingo 4 de agosto, às 10 horas, o prefeito Eduardo Bonotto entregará a Bandeira do Município a um grupo de cavalarianos, que virá de cavalgada desde a Praça da Estação Férrea.
Além de todas as demais atrações, dois fandangos típicos animarão o Parcão, este ano. No sábado, o baile será com o grupo de Pedro Ivo e Vento Minuano. Já no domingo será a vez do grupo Machado & Marcelo do Tchê, um dos ícones da animação musical tradicionalista no Sul do País. Quem for ao  Dia de Campo ainda assistirá concurso de trovadores.
O prefeito Eduardo Bonotto avalia que “em muito boa hora São Borja é reconhecida como Capital do Fandango no Rio Grande do Sul”. Ressalta que “a cidade vive, de fato, a cultura tradicionalista e, de maneira harmoniosa, irmana as entidades ligadas ao culto da traição gaúcha”.